Ao iniciar os estudos em Inglês muitos estudantes parecem obcecados em aperfeiçoar seu aprendizado de idiomas e ficam frustrados quando cometem erros e passam horas tentando corrigi-los. Vergonha e constrangimento incomodam cada um de nós de vez em quando.

Embora você possa tentar se preparar para momentos embaraçosos, nunca poderá evitá-los totalmente. Com um pouco de habilidade, esses momentos desconfortáveis podem se transformar em oportunidades de aprendizado, humor e talvez até amizade. Pensando nisso, separamos alguns dos erros mais comuns para quem está iniciando os estudos, fique atendo e não cometa gafes:

Usar uma palavra em inglês com seu significado em português

Cair na cilada dos falsos cognatos é um dos erros mais comuns. Trata-se de palavras em inglês com grafia bastante parecida à forma como são escritas em português, como, por exemplo, pretend (fingir), que se parece com “pretender”.Também se incluem nessa categoria palavras como costume (fantasia), contest (competição), collar (colarinho) e fabric (tecido).

Não pronunciar o dígrafo “th” corretamente

Este dígrafo não existe em português, mas é bastante comum no inglês, usado em palavras para think (pensar), thank (agradecer) e thick (grosso).Para produzir seu som corretamente, é necessário colocar a ponta da língua nos dentes superiores, um movimento na boca que os brasileiros não estão acostumados a realizar e acabam pronunciando-o com som das letras “F” ou “T”.”Se você diz por exemplo ‘I’m going to thank her‘ (Vou agradecê-la) e pronuncia com som de ‘T’, vira tank (afundar), e a pessoa pode entender que você ‘irá afundá-la’, o que pode ser até ofensivo.

Confundir palavras de grafia e pronúncia parecidas

Não apenas kitchen e chicken são um desafio. Há no inglês diversas palavras de pronúncias muito parecidas que, se trocadas uma pela outra, podem deixar uma pessoa em uma saia justa. É o caso, por exemplo, de beach (praia) e bitch (cadela).Outros desafios comuns para os brasileiros são as pronúncias de word (palavra) e world (mundo); ear (orelha) e year (ano); e sheep (ovelha) e ship (navio).

Traduzir diretamente do português

Ao aprender inglês, é preciso ter em mente que algumas expressões ou construções do português não existem no outro idioma. É o caso por exemplo de locuções verbais, como quando dizemos “vou ver/falar com minha mãe”, que alguns alunos acabam traduzindo diretamente para I go see my mother ou I go talk to my mother, quando o correto seria I’m going to see/talk with my mother.

Gostou das dicas? Não fique de fora, aprenda tudo sobre a língua inglesa. Comece o Curso de Inglês em Imersão e fique por dentro de tudo. Clique aqui e não perca esta oportunidade.

4 Replies to “”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s